Loading color scheme

Residencial Inclusivo Nossa Senhora Aparecida

Notícias

No dia 04 de dezembro, foi oficialmente iniciada a atividade de Acolhimento Institucional para jovens adultos com deficiências no Residencial Inclusivo Nossa Senhora Aparecida, no município de Porto Alegre, em parceria com a Fundação de Assistência Social e Cidadania - FASC. Sendo este, o terceiro Residencial Inclusivo no município de Porto Alegre.

Em uma reunião informal, e com o devido distanciamento social, contando com a presença de Juliana Gonçalves, Psicóloga e Coordenadora Técnica dos Residenciais, Pe. Antônio Bianchet, diretor do Abrigo João Paulo II, Joel Locatto, Vice-presidente da FASC, Vanessa Mendes Baldini, diretora Técnica da Fasc e Sr. Nelson Marchezan Júnior, prefeito de Porto Alegre.

Pe. Cláudio Bianchet, mostrou as dependências da casa e todos os espaços de uso comum e de lazer que os residentes terão. Agradeceu a presença e a confiança no trabalho que a equipe de colaboradores realiza junto aos beneficiários e ressaltou que o trabalho conjunto entre prefeitura, instituição, voluntários é fundamental para a realização de um trabalho no Acolhimento Institucional, principalmente neste serviço que é de longa permanência.

Vanessa Baldini ressaltou "Este projeto do serviço de acolhimento de jovens adultos com deficiências nos Residenciais Inclusivos, é de longa data, que a cada ano que passava a necessidade era mais latente, em especial para os jovens que saem dos abrigos e que por ter a deficiência e não terem familiares não tinham um lugar adequado para continuarem sendo cuidados. Somente, no ano passado foi possível a realização do primeiro Residencial e deu muito certo!"

Sr. Nelson Marchezan, agradeceu o trabalho, dedicação e empenho do Abrigo João Paulo II pelo trabalho que realiza nas casas-lares com o acolhimento das crianças e adolescentes e também com este novo desafio nos Residenciais Inclusivos. E desejou que a instituição continue desenvolvendo esse belo papel junto a sociedade de Porto Alegre.

Os Residenciais Inclusivos são um espaço para o acolhimento de até 10 Jovens Adultos com deficiências, que estavam em acolhimento nos Acolhimentos Institucionais do município de Porto Alegre e ao completarem 18 anos e não terem o respaldo familiar, agora tem a possibilidade de continuarem sendo atendidos nestes espaços que estão adaptados e possuem toda uma estrutura digna e com muito afeto para residirem, contando com uma equipe técnica formada por psicólogo, assistente social e terapeuta ocupacional, equipe de educadores e coordenação.