Violência Sexual foi o tema do encontro de formação

        Nos dias 24 e 26 de abril, os colaboradores do Abrigo João Paulo II participaram o II encontro de Formação continuada que teve como tema "Violência Sexual contra crianças e adolescentes: Identificando sinais e sintomas", com Maria Eliete de Almeida, psicóloga do CRAI/Hospital Materno Infantil Presidente Vargas, na sede administrativa em Porto Alegre.

        Maria Eliete realiza seu trabalho no CRAI - Centro de Referência em atendimento Infanto-Juvenil do Hospital Presidente Vargas em conjunto com o DECA e o DML. Em sua experiência de mais de 15 anos com o apoio e atendimento de crianças e adolescentes  pode constatar e ter acesso a alguns percentuais estatísticos do índice de abuso sexual e comentou "o abuso ou violência sexual é a situação em que a criança ou adolescente é usado para gratificação sexual de um adulto ou mesmo adolescente mais velho, baseado em uma relação de poder. Hoje não existe um padrão de gênero o abusador pode ser tanto homens quanto mulheres".

        Referente às configurações do abuso ou da violência sexual  ela comenta que "antes configurava o abuso ou violência quando havia o contato físico, mas hoje com a presença do celular e das tecnologias a exposição de senas pornográficas, as filmagens entre outros tem sido cada vez mais presente na sociedade e o que também configura a violência sem contato físico". Também foram aprofundados os seguintes contextos: Tipos de Abuso/violência Sexual, Formas de Abuso/ Violência Sexual, Sinais e Sintomas de Violência da violência sexual, Causas do Abuso Sexual, Perfil do Agressor, Abuso Sexual, Violência Doméstica ou Violência Intra-familiar. A temática sobre abuso sexual terá continuidade no encontro de formação continuada do mês de maio.

          O Abrigo João Paulo II agradece a disponibilidade, a presença e o carinho de Maria Eliete nos momentos de capacitação e esclarecimentos junto aos colaboradores da instituição.